Total de visualizações de página

domingo, 23 de novembro de 2014

Germina




Por três dias observei  chuva que caía serena lá fora.
Suas mãos, negras como a noite, me envolviam plenamente.
Deixei que seus beijos me levassem para longe.

Por três horas lamentei a sua partida.
Sinto-me perdida distante dos seus olhos.
Sinto-me abandonada nesse plano de provas e expiações.

Por toda a vida esperei que você voltasse,
Ou que eu partisse ao seu encontro.
Conto os dias.... Conto esta vida, este cárcere, essa ilusão.

No fundo nossa semente brota.
E aguarda silenciosa por este amor que me manterá viva....
Por mais algumas horas.


Nenhum comentário: