Total de visualizações de página

sábado, 17 de maio de 2008

Aguardando a Primavera


Alojou-se entre as pedras para escapar dos predatores,
O vento frio da noite trazia a angústia pelo amanhecer,
Esticava lentamente as folhas aguardando a luz do sol,
Nos dias de chuva a água era abundante e refrescava-lhe os anseios.
Aspirava pela nova estação,
Pelo canto dos pássaros,
Pelo sopro de vida,
Por um lampejo de amor
Estava as poucos crescendo,
Era apenas um botão.
Aguardava a primavera para desabrochar em flor.

Nenhum comentário: